Domingo passado eu ministrei sobre apodera-se do Reino dos Céus. Quando entendemos o contexto de Mateus 11.12, entendemos que Jesus está dizendo que o Reino dos céus é tomado a força, ou seja, por esforço. Jesus não está falando aqui de salvação, a salvação é gratuita, mas a experiência do Reino dos Céus é obtida pelo esforço, ou seja, eu preciso me esforçar para obter!
Precisamos mudar nossas atitudes e entender que as coisas não virão de qualquer jeito, mas à medida que nos esforçamos em buscar a Deus, em nos alinhar com a vontade do Senhor, com certeza obteremos mais do Reino e veremos mais do Reino em nossas vidas. Quero citar um comentário feito por Charles Spurgeon, um pregador do século 19, para mostrar que o problema não está na época que vivemos, mas em nossos corações que não querem se esforçar, não querem pagar o preço para apoderar-se daquilo que o Pai tem para seus filhos.
“Por que alguns cristãos, apesar de ouvirem mil bons sermões não tem avanço na vida espiritual? Porque eles negligenciam sua obrigação, seu quarto fechado, a solidão com Deus… eles não meditam no que ouviram. Eles “amam” o trigo, mas não querem moê-lo. Eles teriam o milho, mas eles não irão ao campo colhê-lo. O fruto está pendurado, mas eles não vão estender a mão. A água está fluindo em seus pés, mas eles não vão se inclinar para beber… irão reclamar porque outros não fazem isso para eles… De tal loucura livrai-nos, ó Deus! ”.
Que o Senhor nos livre desse comportamento passivo e superficial. Que você não tenha medo, nem preguiça, muito menos desculpas para manter-se nesta posição, mas tome a decisão de sair do lugar comum e confortável, para buscar o Reino dos Céus e a vontade de Deus.
Paulo vai dizer em Romanos 14.17 “Porquanto o Reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, paz e alegria no Espírito Santo”. Paulo está fazendo claramente uma distinção daquilo que pertence ao mundo dos homens, e daquilo que faz parte do Reino de Deus.
As necessidades físicas que ele fala, comer e beber, fazem parte do mundo daqui de baixo, enquanto que do Espírito, vem coisas mais altas, mais profundas para a nossa vida. Como cristãos não podemos ficar presos ao comer e ao beber, que representa os cuidados com esta vida, porque o Senhor Jesus disse que nem só de pão viveria o homem, mas de toda a palavra que procede da boca de Deus (Mateus 4.4). O Reino dos Céus é algo muito mais profundo!
São essas coisas profundas que precisamos nos esforçar para obter. Precisamos adentrar em esferas mais profundas da fé, e para isso só há um caminho – esvaziamento e entrega. Se não nos esvaziarmos e nosso compromisso com Cristo não for de uma disposição de total e verdadeira entrega, vamos continuar trafegando apenas nas esferas mais superficiais da fé.
Meu irmão e minha irmã, esforce-se! Saia do lugar comum, creia que Deus te mais para a sua vida espiritual. Pode dar trabalho no começo, mas todo esforço no Senhor, no final vale a pena.
Deus te abençoe.
Pr. Cristiano Lordelo

© 2016 Igreja do Nazareno Flamboyant
Siga-nos: